Conceito de flexibilidade sobressai em Milão

| 1 Comment

Ao caminhar pelos corredores desta edição do Salone Internazionale del Mobile e dos demais salões que compõem o grande evento anual organizado pela Cosmit e conhecido como iSaloni (“os salões”, em português), algumas constatações se evidenciam. A feira está muito bonita este ano, com ambientes em que adjetivos como “delicado” ou “elegante” se aplicam muito bem. Para contrabalançar, há também muita irreverência, em especial em estandes como o da Kartell ou da Moroso, na linha da Diesel.

Predominam na cartela básica de cores os tons de cinza, principalmente aquele tendendo ao azul, o vermelho-rosado e os neutros branco, preto, bege (nude) e verde. Os rosas, também tendendo ao nude, e os violetas marcam presença, e são responsáveis pelo toque a mais de suavidade que se faz pressentir nesta edição da feira.

Para completar , o mobiliário exposto em Milão este ano exala tecnologia – nas formas, nos cortes, nos revestimentos, nos acabamentos e nas ferragens utilizadas. O resultado, além da percepção geral de beleza que fica da feira, são móveis para lá de flexíveis. Mesas elásticas, com sofisticados sistemas de ferragens , foram presença recorrente na mostra, em estandes como da Bontempo e da Calligaris.

Cadeiras empilháveis, cabides funcionais e de formas das mais variadas, estofados com sistemas de adaptação em harmonia com o projeto estético também tiveram seu lugar. Milão evidenciou assim a percepção de que se a vida é flexível, é natural que o morar – e o móvel – também devam sê-lo.

Fonte: Portal Emóbile

One Comment

  1. This site is like a closarsom, except I don’t hate it. lol

Leave a Reply

Required fields are marked *.